sexta-feira, 31 de julho de 2015

3 dicas para recrutar profissionais passivos através do Linkedin


Em nosso artigo anterior, explicamos que o candidato passivo é aquele que está empregado e não está, exatamente, à procura de uma nova oportunidade de trabalho. 

Pelo fato de ele não buscar novos desafios profissionais, se você quer se aproximar dele, é importante ser proativo para encontrá-lo e saber como utilizar as melhores abordagens é o que vai garantir o sucesso da sua empreitada nesses casos.

Sendo assim, vamos compartilhar alguns pontos que podem ser úteis nesse processo.

Não sou o primeiro, nem o último, a destacar a importância que o LinkedIn exerce no processo de recrutamento e seleção estratégico. Provavelmente você já deve ter ouvido alguém dizer ou lido que isso dá resultados, e se mesmo assim você não testou essa possibilidade, fica o convite e o desafio.

Defina o trabalho antes de definir a pessoa

O primeiro passo para atrair os melhores candidatos passivos é definir o que a pessoa deve fazer para ser bem-sucedida no papel que ela vai atuar. Isso também é chamado de descrição da vaga que pode ser complementada com as competências, habilidades, atributos pessoais e acadêmicos exigidos para o cargo que se deseja preencher. 

Preparar a descrição da vaga é essencial, uma vez que os melhores candidatos vão usar essa informação para decidir se eles estão interessados em considerar o seu trabalho como um potencial movimento de carreira.

Uma vez que a descrição tenha ficado clara e o conjunto de habilidades e competências bem definidas, você deve divulgar no site e nas mídias sociais da empresa, lembrando que cada rede social tem um perfil de comunicação, conforme você pode ver nesse artigo.

Em busca do seu Candidato

Neste momento, vamos focar no LinkedIn e em como você pode promover a sua pesquisa para encontrar o candidato que tem tudo a ver com a sua vaga.

Dica: Se você quer evitar que os possíveis candidatos descubram que você sondou o perfil dele, antes de fazer qualquer pesquisa, lembre-se de deixar o seu perfil oculto, assim você evita se expor.

Para fazer isso, acesse a sua conta e configuração, selecione a opção privacidade e configuração e depois selecione que informação os usuários podem ver quando acessarem o seu perfil. 

Você pode escolher entre a opção características do perfil anônimo, como setor e cargo, ou completamente anônimo. Em ambos os casos, as estatísticas do seu perfil será desabilitada.

O próximo passo é fazer uma pesquisa. Vamos supor que a vaga que você tem é para o cargo de “gerente comercial”.

Observe que pode aparecer 3 opções: Pessoas, empresas e grupos. 

Basicamente essas são as opções que você terá para iniciar a sua busca pelo candidato perfeito para a sua vaga.

Pessoas

Tenha sempre em mente que o grande objetivo da contratação de um candidato passivo é não simplesmente vender a vaga, e sim conquistar a atenção desse profissional.

Quando você detectar um perfil potencial para o seu processo de recrutamento estratégico, anote os dados. Um Excel é prático, mas ter um ATS é estratégico, pois o registro de suas anotações poderá ser compartilhado com seu grupo de trabalho.

Anote as principais informações sobre o candidato, bem como o nome completo e o link do perfil do LinkedIn. Nem todos disponibilizam o número do telefone. 
Uma vez listado todos os possíveis candidatos, você precisa se aproximar deles e nesse caso poderá enviar um convite para concluir a aproximação. Uma vez aceito, você estará apto a manter uma comunicação direta com o candidato. 

Lembre-se de evitar textos longos e genéricos. Seja sucinto. Faça uma comunicação amigável, mas respeitosa. Afinal de contas, você não conhece o candidato ainda, então melhor manter a seriedade, principalmente no primeiro contato.
Depois de apresentar o motivo pelo qual entrou em contato, peça o número de telefone dele e certifique-se sobre qual a preferência dele para falar, pois muito provavelmente estará trabalhando e você não quer deixá-lo desconfortável. 

Sempre que possível, enfatize que você tem disponibilidade para falar antes ou depois do horário comercial, isso transmite segurança e empatia ao candidato.

Empresas



Verifique os perfis dos seguidores. Dependendo da página, poderá ter muitos seguidores, mas ninguém disse que seria fácil, certo? Depois de identificar os possíveis candidatos, a abordagem é a mesma que expliquei no item anterior.

Grupos


Depois de buscar pela palavra chave, geralmente o cargo da vaga, você poderá encontrar vários grupos. Entre naqueles que considerar mais relevantes, geralmente os que têm mais seguidores, e veja os debates. 


Procure nos debates por pessoas que possam ser candidatos em potencial. Uma vez identificado, entre no perfil da pessoa, faça uma análise e se apresentar características que o perfil exige, faça o contato.

Estabeleça conexões

Candidatos passivos normalmente estão em busca de algo que possa gerar uma compensação que vai muito além da questão financeira. Claro que valores acima da média do mercado sempre favorecem, mas isso não é tudo para esses candidatos. Então, quando você for falar com um candidato passivo, procure prioritariamente identificar quais são os gatilhos que o fariam mudar de um emprego para outro e que não estejam associados diretamente à remuneração desejada ou oferecida. 

Os candidatos precisam ser convencidos que a sua oportunidade em longo prazo será suficientemente palatável em detrimento a qualquer outra oportunidade que eles venham a considerar, mesmo que seja a de permanência no atual emprego. Se não houver esse alinhamento de expectativas e a questão financeira for colocada na frente, eles poderão aceitar a sua proposta por razões equivocadas e poderão ficar insatisfeitos com a nova oportunidade tão logo percebam que houve perda de algo, que não é dinheiro, com relação ao emprego anterior.

Uma vez definida a estratégia de aproximação, é preciso tratar da Comunicação. Concordo com o que a Samara Parker (seria legal adicionar abaixo um link come este comentário dela) fala sobre recrutamento estratégico quando ela diz. "Se você não pode chegar aos candidatos através de muros de avisos, você pode publicar um tweet para ele, ou se conectar pelo Facebook, ou ainda adicioná-los ao seu G+ e até mesmo através do seu Instagram.” 

As oportunidades são infinitas e conseguir usar as redes sociais para se aproximar dos seus candidatos passivos pode ser uma boa alternativa para quem busca inovar e descobrir os melhores perfis.

http://blog.compleo.com.br/post/3-dicas-para-recrutar-profissionais-passivos-atraves-do-linkedin

Nenhum comentário:

Postar um comentário