quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Barragem de mineradora rompe em Mariana, deixa distrito ilhado e possíveis vítimas



Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação


Uma barragem de rejeitos da mineradora Samarco em Bento Rodrigues, distrito de Mariana, na Região Central de Minas, rompeu por volta das 16h desta quinta-feira. Nenhuma autoridade confirmou, até o momento, informações sobre feridos, desaparecidos ou possíveis mortos.

Segundo o Sindicato Metabase local, dos feridos que foram encaminhados para o Hospital Monsenhor Horta, um morreu. Ele seria um fiscal e, ao ver a tragédia, teria tido um ataque cardíaco. Moradores da região e líderes sindicais informaram que de 10 a 18 pessoas estão desaparecidas e o número de feridos pode passar de 30. Três viaturas do Corpo de Bombeiros, com helicóptero e cães, estão no local.
De acordo com a Samarco, teriam cerca de 30 pessoas desaparecidas nesse momento. Está sendo feita uma chamada de funcionários para confirmar o número exato de trabalhadores que estavam no local no momento da tragédia.

Registrou foto ou vídeo do rompimento da barragem? Envie para o WhatsApp da Itatiaia: 9996-7074

Imagens de helicópteros mostram um cenário de tragédia em Bento Rodrigues. Casas tomadas pelos rejeitos e carros que foram arrastados chegaram a ficar presos em telhados. Segundo moradores, o alagamento prejudicou a estrutura de vários imóveis.

A Samarco não descarta a possibilidade de colocar em prática um plano de evacuação do distrito. A informação foi confirmada pelo secretário de Governo de Ouro Preto – cidade próxima –, Flávio Márcio Alves de Andrade. “A prefeitura de Ouro Preto já mandou para lá todas as ambulâncias, a equipe de Defesa Civil e a gente colocou o sistema de saúde à disposição”, disse.


Local da tragédia:

O distrito de Bento Rodrigues fica a cerca de 130 km de Belo Horizonte



À direita, a barragem "Fundão", que rompeu e alagou o distrito de Bento Rodrigues



A secretária da Prefeitura de Mariana, Mariângela Pereira, declarou que não há informações precisas sobre o que aconteceu e nem sobre a dimensão do acidente. Segundo ela, foram solicitados ônibus para atender as vítimas e a Defesa Civil do Estado já foi comunicada sobre o ocorrido e segue para o local. “A prefeitura está aguardando as informações e agindo para saber as necessidades e acolher as pessoas”, afirmou.

O Núcleo de Combate aos Crimes Ambientais do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) já está a caminho do local para vistoriar a área do acidente. Para o coordenador da Promotoria do Meio Ambiente, Carlos Eduardo Ferreira Brito, a prioridade é conter o avanço da lama na tentativa de reduzir os danos. “O importante é tomar as medidas o mais rápido possível, de forma que a gente tenha uma minimização desse impacto.”

Em Mariana, uma grande estrutura foi montada na arena esportiva para receber feridos e pessoas que tenham sido atingidas pelo rompimento. De acordo com a prefeitura, moradores de Bento Rodrigues foram para a cidade de Santa Rita Durão em busca de abrigo.

Por meio de nota, a assessoria de imprensa da Samarco afirmou que “as autoridades foram devidamente informadas” sobre o rompimento da barragem “e as equipes responsáveis já estão no local prestando assistência”.


http://www.itatiaia.com.br/noticia/barragem-da-mineradora-samarco-rompe-na-regiao-central-de-minas

COMENTÁRIOS


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e e-mail válido).
Leia Mais ››